14 de março de 2014

Resenha - O Circo da Noite

   Mesmo antes de ser lançado, O Circo da Noite já era um sucesso, várias resenhas enalteciam o trabalho de estreia de Erin Morgenstern. Quando foi anunciado que um dos produtores envolvidos na adaptação cinematográfica de Harry Potter iria participar, também, da adaptação de O Circo da Noite, o mundo partiu para devorar esse livro. A promoção desse livro enfatiza a disputa mágica entre um casal de jovens magos que acabam por se apaixonar e que essa disputa se dá em um circo. Imagina-se então que esse livro é uma constante narrativa cheio de duelos entre feiticeiros... não é isso que acontece.

   O livro conta a história de Celia Bowen que é treinada pelo pai para que possa combater, em algum dia, com outro aprendiz de mago. Este outro aprendiz é Marco, treinado por um homem misterioso que o retira de um orfanato para treiná-lo. Celia e Marco não entendem como deve se dar essa disputa, seus respectivos mestres não explicam a dinâmica do jogo e esse é o grande motor da história. A narrativa de Erin é bastante detalhada, e cheia de imagens incríveis. Só leia esse livro se estiver bastante inspirado para imaginar os mais incríveis detalhes. Le Cirque de Rêves (o nome do circo da história quer dizer O Circo dos Sonhos) não é composto de apenas uma tenda e cada tenda é um show a parte.

O cartaz anuncia algo chamado Jardim de Gelo, e Celia sorri ao ler o adendo logo abaixo: um pedido de desculpa por quaisquer inconveniências térmicas. Apesar do nome, ela não está preparada para o que a aguarda dentro da tenda.

   O livro não é contado apenas sob a ótica de Celia. Além de ser contada através de vários pontos de vista, a história é contada em vários espaços de tempo. Em um capítulo estamos vendo uma Celia ainda criança, em outra vemos os gêmeos Poppet e Widget que podem ver o futuro e o passado, em outra temos Celia e Marcos lutando por seu amor e em outro vemos o idealizador do circo e seus amigos.

 No começo, a história de Bailey pode parecer chata, mas no final ele disputará com Poppet e Widget para ser seu personagem preferido. Enfim, temos vários personagens e mesmo acontecendo em diferentes momentos, a história flui muito bem.

   O Circo da Noite é uma história singular, diferente de muitas que vemos por aí. Os personagens são bem desenvolvidos, os cenários são bem descritos e mesmo não sendo um espetáculo onde magos duelam, é uma história sobre o amor e sacrifício. Leia e ao chegar ao final você receberá algo e saberá onde deverá ir se quiser ter uma noite incrível.

2 comentários:

  1. Oi, Bruno! Não conheci o livro, mas não me interessei. :(

    http://livro-apaixonado.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Resenhei este livro do meu blog dêem uma olhadinha ;) http://paradoxorefletido.blogspot.com.br/2014/09/resenha-3-o-circo-da-noite-de-erin.html

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
ihttps://lh5.googleusercontent.com/-2i_jP3wgzRw/UJLgVM_OluI/AAAAAAAAAac/fIV0DMmWfd8/s200/Sem%2520t%25C3%25ADtulo%25203.png